Ambientes dos Novos Modelos de Negócios e da Inovação

O Brasil necessita romper as amarras da burocracia cartorial lusitana e investir na inovação associada à inteligência do Capitalismo Consciente e da Economia Colaborativa ou Compartilhada.

O desafio é justamente transitar entre os novos marcos regulatórios e interagir com as políticas públicas que buscam romper amarras.

23-04_rotomix_brasil_

A Consulnegi Consultoria e Serviços Empresariais é uma facilitadora para que novas tecnologias e soluções sejam implementadas no cenário nacional e internacional.

Transformar o Brasil na quarta economia mundial em 2020 é um cenário a ser perseguido, no entanto, esta visão deve estar aliada com a visão de transformar o país em líder no uso de energia sustentável do planeta.

Patentes e os ambientes de consórcios e fusões
A inovação como indutor do crescimento exige decisão política e cultura do empreendedorismo. Enquanto o Japão destina 3,8% do PIB na área tecnológica, resultando em 84 mil patentes, o Brasil investe 1,19% do PIB, resultando em 434 patentes. Já a China aplica 2,8% do PIB, com retorno de 7 mil patentes.

fusoesO desenvolvimento de Novos Negócios, principalmente em energias renováveis exige alinhamentos nas esferas dos governos federal, estaduais e municipais.

Neste mundo, a formação de consórcios e a aproximação de parceiros tecnológicos nacionais e internacionais exige a união de competências altamente especializadas.

A construção de ambientes de negócios para estruturar operações e novas dinâmicas de negócios é a cultura do Joint Ventures.

Enfim, viver o ambiente de Novos Modelos de Negócios e da Inovação exige  a união de competências nas áreas de desenvolvimento, estruturação de consórcios, aquisição de financiamentos, alienações, fusões e auditoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>